como-trabalhamosA doula pós-parto tem como função cuidar da mãe, ajudando na adaptação da família – filhos mais velhos e parceiro – e no planejamento da organização da casa para o puerpério. Além disso, a doula auxilia nos cuidados com o recém-nascido, dentro de casa, nas primeiras semanas após o parto. Ela provê apoio não médico, oferecendo informação com evidência científica sobre amamentação, recuperação física e emocional do parto e outros assuntos relacionados ao pós-parto.

Você pode contratar uma doula pós-parto ainda na sua gravidez, pois o trabalho da doula idealmente inicia no pré-natal. E pode também contratar quando necessário, depois que o bebê nascer, seja pacotes de visitas ou uma visita individual.

Entrevista

Se você ainda não nos conhece, marcaremos uma entrevista para nos conhecermos, e para que você entenda melhor o nosso trabalho e decida se gostaria de nos contratar.

Duas visitas pré-natais

Primeira visita: Cerca de 32 semanas de gravidez – conversa sobre diversos assuntos e planejamento inicial do puerpério.
Segunda visita: Cerca de 34 semanas de gravidez – passar o plano pós-parto e tirar dúvidas.

No pós-parto

Planos: 2, 4 ou 6 visitas pós-parto, sendo uma por semana. Flexibilidade. Possibilidade de visitas extras – cobradas à parte.

Contate-nos para valores: contato@abracodemae.com

Saiba mais!

O trabalho da doula pós-parto começa antes do parto! É importante que doula e cliente se vejam ao menos duas vezes antes do nascimento do bebê. Para nós, da Abraço de Mãe, o ideal é que o primeiro encontro aconteça em torno de 32 semanas de gravidez. Podemos nos encontrar para um café ou, se você preferir, vamos até a sua casa.
Nesta primeira visita conversaremos sobre os mais diferentes assuntos, a depender do conhecimento e/ou dúvidas que você já tem, por exemplo: o que esperar durante as seis primeiras semanas do puerpério, o tipo de ajuda que você vai ter no pós-parto, opinião sobre amamentação (quer amamentar?), que tipo de apoio estão buscando, curso de gestante, informação sobre o parto, recuperação física, sensibilidade emocional, importância da mãe poder cuidar só do bebê, apresentação do plano pós-parto, divisão de tarefas dentro de casa (pensar para a segunda visita)…

Na segunda visita, preferencialmente na casa da gestante duas semanas após a primeira, iremos passar o plano pós-parto com o casal (o que já inclui diversos assuntos) e tirar dúvidas que porventura houver.

Depois do nascimento do bebê, você pode ter duas, quatro ou seis visitas, à sua escolha. Você pode contratar o pacote mínimo de apenas duas visitas pós-parto (mais as duas pré-natais) e depois decidir se vai querer visitas extras. Em princípio, essas visitas ocorrerão uma vez a cada semana, sendo a primeira no quarto dia depois do parto. Mas como cada mulher é diferente, nós temos a flexibilidade de concentrar mais visitas na mesma semana, ou adiantá-las, de acordo com a necessidade da mãe.

Da mesma forma, não há como planejar exatamente de que cada visita tratará. Depende do momento de cada mulher. O que não vai faltar é apoio para toda e qualquer situação que a puérpera tenha que enfrentar!